domingo, 1 de maio de 2016

Sobre os Anjos



Há na criação, uma série de seres, que vai desde os minerais até os puramente espirituais. A existência destes últimos não poderíamos conhecer por nossa razão apenas, mas a conhecemos pela Revelação. São os anjos.

- Existência dos anjos
A Bíblia está cheia da existência dos Anjos, os quais aparecem desde o princípio (Gên.3). No Antigo Testamento eles aparecem impedindo que Abraão sacrifique Isaac, consolando Agar no deserto (ver cap. 16 e 22 do Gênesis), alimentando Elias (I Rg 19). E em muitas outras passagens. Nos Evangelhos e nos Atos dos Apóstolos há numerosas aparições de anjos, cumprindo ordens de Deus. Apesar disto, o espiritismo, desprezando totalmente a Bíblia, nega a existência dos Anjos.
- Como são os anjos

Os Anjos são as criaturas mais perfeitas, porque são as mais semelhantes a Deus, por serem puramente espirituais. São superiores aos homens pela inteligência, pela vontade, pelo poder. Fatos da Bíblia o mostram. Um anjo matou de uma vez 185 mil soldados dos assírios (Is 37,36); outro arrebatou Habacuc pelos cabelos e o levou para Babilônia (Dan 14,35).

- Que fazem os anjos?

a) Adoram e louvam a Deus sem cessar, felizes por contemplá-Lo no céu.
O profeta Isaías os viu cantando sem cessar os louvores da SS.Trindade: Santo, santo, santo é o Senhor Deus dos exércitos (Is. 6,3)

b) Cumprem as ordens de Deus
Guardam a porta do paraíso (Gên. 3,24); comunicam o nascimento de Cristo (Lc 2,13) e sua Ressurreição (Lc. 24,4), etc.

c) Protegem-nos contra os males da alma e do corpo, pois, no seu amor aos homens, Deus deu a cada um de nós um anjo da guarda.
Os seus anjos, no céu, contemplam sempre a face do meu Pai (MT. 18,10), disse Jesus (ver a libertação de São Pedro; At. 12,1-11)


- Culto aos anjos

1 – Além das festas dos arcanjos São Gabriel (24 de março), São Miguel (29 de setembro) e São Rafael (24 de outubro), a Igreja celebra a dos Anjos da guarda (2 de outubro).
2 – Assim nos ensina a honrar o nosso anjo da guarda, invocá-lo nos perigos e tentações, confiar nele, ouvir as suas sugestões.
Oração para rezarmos diariamente ao anjo da guarda:

Santo anjo do Senhor,
 meu zeloso guardador,
 já que a ti me confiou,
 a piedade divina.
 Sempre me rege e guarda,
 governa e ilumina. Amém.”

- Os demônios

Antes de confirmar os anjos na graça, Deus os submeteu a uma prova. Alguns caíram e foram imediatamente precipitados no inferno. São os anjos maus ou demônios. Porque odeiam a Deus, os demônios nos odeiam também e procuram fazer tudo para perder-nos:

- Fizeram a desgraça dos homens, levando Adão ao pecado;
- Vivem em torno de nós, como um leão que ruge, procurando a quem devorar (I Pdr. 5,8),
- Expulsos no Batismo, voltam com seus ataques (Lc. 11,24)

Felizmente podem provocar-nos ao pecado; mas não podem fazer-nos pecar, só pecamos se quisermos.
Usam de mil astúcias para seduzir-nos, dando aspectos agradáveis ao mal, deturpando as grandes invenções, corrompendo os costumes, etc. Temos o dever de vencer a ação do demônio em nós, e trabalhar para destruí-la nos outros e na sociedade.

(A doutrina Viva – Mons. Álvaro Negromonte)

Nenhum comentário:

Postar um comentário