quinta-feira, 10 de agosto de 2017

Santa Filomena a grande milagrosa

Imagem relacionada


Apesar das investigações de muitos sábios, nada tinha sido ainda
encontrado que pudesse lançar alguma luz sobre a história pessoal de Santa Filomena, anteriormente ao descobrimento das suas relíquias nas catacumbas. No entanto, alguns dos seus devotos mais fervorosos, animados pela terna solicitude com que a sua querida Santa costumava atender as preces de seus servos, ardentemente lhe suplicaram que os elucidasse sobre quem ela era e o que sofrera por Jesus Cristo. Estas ansiosas preces foram atendidas, e a Santa revelou a três pessoas diferentes, que viviam afastadas e absolutamente desconhecidas uma das outras, a história da sua vida e os pormenores do seu martírio.

terça-feira, 18 de julho de 2017

Hino ao sofrimento

Resultado de imagem para Elisabete da Trindade

Fere, fere, ó tão caro sofrimento, 
Fere, fere, ó querida dor. 
Tu que não poupaste o Salvador, 
Sê aqui na terra minha doce esperança. 

Fere, não posso viver sem ti, 
Fere, a fim de que Jesus encontre em mim 
Uma crucificada à Sua imagem,
Que beba com Ele a amarga bebida. 

Fere, a fim de que tenha a grande felicidade 
De me assemelhar a Nosso Senhor, 
Ao doce Jesus, meu divino modelo, 
Jesus! felicidade da alma fiel. 

Fere, saboreio tuas delícias 
Na prova e no sacrifício, 
Visto que quero consolar o Coração 
De Jesus, meu Bem-Amado Salvador. 

Não foste divinizada
Ó dor, pelo Deus crucificado, 
Jesus chorando durante a agonia, 
Jesus, que por mim dá a vida? 

Quero tanto dar a minha,
A este Deus pobre, a este Deus sofredor, 
A Jesus humilhado, Jesus moribundo 
Mas, oh que Sua graça me sustente! ... 

Porque nada posso sem Seu socorro,
Mas com Ele que me fortifica
Serei forte, forte sempre,
Para amar, sofrer toda a minha vida.

(Elisabete da Trindade - Carmelita Descalça)

O zelo na Provação

Imagem relacionada

Para a Véspera - À medida que na provação se desenrolam os desígnios de Deus, vemo-los crescerem e elevarem-se. Teremos que meditar sobre este assombroso privilégio: com as nossas provações bem suportadas, poderemos socorrer eficazmente as almas. Este poder será reservado às grandes virtudes? Pertence também, em certa medida, às almas imperfeitas?

Os planos de Deus são vastos; sabem harmonizar tudo. Ora, como as almas em estado de graça, mesmo as mais imperfeitas, vivem realmente da sua vida, será para admirar que Ele estabeleça entre elas influências de mútuo socorro? Irem em auxílio dos outros é um nobre motivo, um estímulo para todos.

Ó Maria, que pelo Vosso abandono merecestes para nós tantas graças, tantos socorros, permiti ao Vosso indigno filho que se associe conVosco nesse belo ministério.

sexta-feira, 7 de julho de 2017

Crucifixo é a escola da oração.


 Crucifixo é a escola da oração.

Santa Teresa, Santa Madalena de Pazzi, São Bruno, São Bernardo, São Francisco de Assis, São Boaventura, todos os grandes contemplativos da idade Média onde terão encontrado as labaredas do amor de Deus?

O Crucificado é para os fiéis manual de meditação quotidiana. Ele abençoa os trabalhos, santifica as conversações, tempera os prazeres e balsamiza os sofrimentos.

segunda-feira, 3 de julho de 2017

ESPERANÇA

Por Teodomiro Tadeu Viana Franco

Porque assim me conturbas e estás triste,
Minha alma?1 Pois em Deus não tens confiança?
Ele te olha do Céu, Ele te assiste...
Prende-te à âncora firme da Esperança.

O amor a tudo, impávido, resiste;
O amor jamais diz — basta! jamais cansa;
Paladino de lança sempre em riste
— Tão forte como a morte, — tudo alcança.

Ama, e canta a teu Deus tua saudade...
Em breve cantarás, na Eternidade,
O gonzo de possuir a teu Criador.

Em breve a Deus verás, no eterno dia
 Que não termina e que não principia,
— Na eterna luz do Sol do eterno amor.

Novembro, 1920

Sonetos de Madre Maria José de Jesus, carmelita descalça

- A Grande Guerra.

sábado, 1 de julho de 2017

Preciosíssimo Sangue de Jesus Cristo - Oração para todos os dias do mês de julho


Na consciência do meu nada e da Vossa grandeza, misericordioso Salvador, me prostro aos Vossos pés e Vos rendo graças pelos inúmeros favores que me haveis concedido, a mim ingrata criatura, em especial, o terdes me livrado por intermédio de Vosso Preciosíssimo Sangue, da maléfica tirania de Satanás.
Em presença de Maria, minha boa Mãe, do meu Anjo da Guarda, dos meus Santos Patronos, de toda a Corte celeste, me consagro, ó bondosíssimo Jesus, com sincero coração e por livre decisão, ao Vosso Preciosíssimo Sangue, com o qual Vós livrastes o mundo inteiro do pecado, da morte e do inferno.
Prometo-Vos, com o auxílio da Vossa graça e segundo as minhas forças, despertar e fomentar, quando em mim estiver, a devoção ao Vosso Sangue adorável seja por todos honrado e venerado. Quisera eu, por este modo, reparar as minhas infidelidades para com o Preciosíssimo Sangue e oferecer-Vos igualmente reparação por tantos sacrilégios, pelos homens cometidos contra o preciosíssimo preço da sua redenção.


Oxalá eu pudesse fazer desaparecer os meus pecados, as minhas friezas e de, ó amantíssimo Jesus, que Vos ofereço o amor, a estima e adoração que a Vossa Mãe Santíssima, os Vossos Apóstolos fiéis e todos os Santos renderam ao Vosso Preciosíssimo Sangue e Vos rogo queirais esquecer-Vos das minhas infidelidades e friezas passadas e perdoeis a quantos Vos ofendem. Aspergi-me, ó Divino Salvador, e bem assim a todos os homens, com o Vosso Preciosíssimo Sangue, a fim de que nós, ó Amor Crucificado, desde agora e de todo o coração Vos amemos e dignamente honremos o preço da nossa salvação. Amém.

Julho, Mês do Preciosíssimo Sangue de Jesus


 O mês de julho foi estabelecido pela Igreja como o mês dedicado ao Preciosíssimo Sangue de Jesus. A piedade cristã sempre manifestou,
 Através dos séculos, especial devoção ao Sangue de Cristo derramado para a remissão dos pecados de todo o gênero humano, por
Ocasião da Paixão e Morte de Jesus e atravessando a história até hoje com Sua presença real no Sacramento da Eucaristia.

quinta-feira, 29 de junho de 2017

Dia 29 dia de São Pedro e São Paulo


Festa de São Pedro e São Paulo, também chamada de Solenidade dos Santos Pedro e Paulo, é uma festa litúrgica em honra ao martírio em Roma dos apóstolos São Pedro e São Paulo, que é observada em 29 de junho. A celebração tem origem muito antiga, sendo a data escolhida sendo ou o aniversário da morte ou do translado das relíquias.

Meditação - Mês do Sagrado Coração de Jesus - 29º dia


Aproximemo-nos da santa Mesa: ali acharemos o Coração de Jesus desejoso de se unir a nós muito frequentemente. 


      O amor tende naturalmente a união com o objeto amado, ou antes, segundo o pensamento de santo Agostinho, o amor é uma cadeia de ouro que une o coração da pessoa que ama, e o da pessoa amada. E como esta união não se pode efetuar de longe, aquele que ama, deseja sempre a presença da pessoa amada. A esposa sagrada, quando separada do seu Amado, enlanguecia, e rogava a suas companheiras para que lhe contassem seus padecimentos, afim de obrigar a consola-la por sua presença: eu vos conjuro, filhas de Jerusalem, se encontrardes meu Amado, dizei-lhe que enlangueço de amor. 

quarta-feira, 28 de junho de 2017

Meditação - Mês do Sagrado Coração de Jesus - 28º dia


Aproximemo-nos da santa Mesa: ali acharemos o Coração de Jesus desejoso de se unir estreitamente a nós.


    Quão belo é o pensamento de São Lourenço Justiniano, quando exclama: Ó Deus de amor, vós quisestes que nosso coração fosse um só com o Vosso! 
   Um só coração! Ó santa fé ! falai : Aquele, diz Jesus Cristo, que come minha carne, mora em mim e eu nele.  Assim, aquele que comunga, está verdadeiramente em Jesus, e Jesus nele. Jesus está no meu coração, e meu coração está no Coração de Jesus.

domingo, 25 de junho de 2017

Meditações - Mês do Sagrado Coração de Jesus - 25º dia



    Aproximemo-nos do tabernáculo: ali acharemos o Coração de Jesus esperando de nós uma visita de reconhecimento. 


    Agradecer a Jesus Cristo o grande dom que ele fez aos homens, dando-lhes a Eucaristia. reparar as injurias que ele recebe neste Sacramento, enfim, amai-o, em compensação do culto que muitos deixam de dar-lhe nas Igrejas, tal e o tríplice fim para o qual o Salvador mesmo quis que a festa de seu Sagrado Coração fosse instituída. Mas uma coisa digna de ser notada, é que ele prometeu derramar com abundância as riquezas de seu Coração sobre os que lhe tributassem esta tríplice homenagem, não somente no dia mesmo desta festa, mas ainda em todos os outros dias. E que é necessário para merecer os efeitos desta promessa? É necessário visita-lo no Santíssimo Sacramento, nos três fins acima ditos.
    Que amor e ações de graças devemos ao Coração de Jesus, por ter instituído este adorável Sacramento! Sem esta amorosa invenção, quão  triste seria nosso desterro! A quem nos dirigiríamos nos males de que esta vida está cheia? Onde acharíamos um Coração tão bom para se compadecer das misérias de todos, tão poderoso para consolar todos os que implorassem seu socorro! Jesus só pode dizer e diz com efeito : Vinde a mim, vós todos que gemeis sob o fardo de vossas penas, e eu vos alentarei. Ora, esta palavra, esta boa palavra saída do bom tesouro do seu Coração, ele no-la repete continuamente do fundo do seu tabernáculo.
    Porque lá está este Coração tão amável e tão amante; lá está, esperando, chamando e acolhendo todos aqueles que o vem visitar. Meus olhos e meu Coração estarão ali em todos os tempos. Consoladora promessa, cujo cumprimento Jesus nos mostra no Sacramento do altar, onde ele está por nós noite e dia! Lembremo-nos aqui do doloroso momento, em que o Redentor disse adeus a seus discípulos antes de ir para a morte. Eles choravam pensando que deviam se separar de seu Mestre querido; mas Jesus os consolou por estas palavras, dirigidas também a todos os fiéis : «Meus Filhos, eu vou morrer, para vos provar o amor que vos tenho; mas, ainda morrendo, não quero vos deixar sós; em quanto estiverdes sobre a terra, quero ficar comvosco : Ecce ego vobiscum sum. Eu vos deixo na Eucaristia meu corpo, minha alma, minha divindade, e este Coração que tanto amor vos tem.»